segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Poesia tácita



Nas linhas que o tempo traçou em sua face, escrevia a vida em poesia.

2 comentários:

LuCordeiro: disse...

Olha,Sílvio,meu amigo,vou ser franca:prefiro nunca escrever a vida em poesia;vai em prosa,mesmo. :-)
Bjs enormes e,mais uma vez,parabéns pela publicação de "Fractais".

Hanah disse...

Olá Silvio,
Passei para desejar Boas Festas para ti e para toda a galera do Miniminimos !!!

Saúde e Sorte Sempre !!!

Bjos

Hanah