domingo, 27 de setembro de 2009



~










tinha que se prender ao chão pelos pés

era imensa a-vontade-de-fugir

àquela coisa do dever cívico

[ pra nunca mais vo-l-tar,

.

6 comentários:

J.R. Lima disse...

art. único - fugir à hipocrisia do "dever cívico" é obrigação de todo cidadão consciente.

par. 1 - revogam-se as disposições em contrário.

ENTREDENTES disse...

Eu fugi e não vo l to...

ENTREDENTES disse...

E pra quê magoar os pezinhos?

* hemisfério norte disse...

eu vo l to sempre
a
_creditar

e deIludo-me

bj
a.

rosamar disse...

e foi para isto q os nossos antepassados tanto lutaram???

agora podemos livremente ir e
vo(l)tar em quem queremos, independentemente de ficarmos frustrados ou nao com a nossa escolha.

ainda me lembro quando era obrigatório ir votar e só havia uma opçao: Uniao Nacional.

mas destas coisas só se lembra quem está na 3ª idade, por isso talvez haja ainda alguem q dê tanto valor ao dever cívico...

~pi disse...

não é não dar valor, de todo.

porque não quero escrever muitas palavras, deixo te apenas

as palavras comuns

e r o s ã o

d e s v i r t u a ç ã o







~