terça-feira, 29 de março de 2011

bbbbb-



cheios de nada
o papel amontoava-se
- banca de lixo
.

3 comentários:

Silvio Vasconcellos disse...

Aninha!!

Que bom te encontrar de volta.

Há uma luz no espaço virtual do minimínimos focando em quem está de volta. seja bem-vinda!

Quanto ao post, é incrível a perecividade de um jornal. No primeiro dia é buscado, olhado do alto até embaixo, frente e verso. No dia seguinte, embrulha o peixe, fede e vira lixo.

LuCordeiro, disse...

Voltou,menina!!! Até que enfim! Vc não pode sumir mais,ok? Qto à "banca de lixo",é,vai continuar até que a humanidade pereça em meio aos próprios dejetos. O ser humano é o único animal que destrói o próprio habitat.E ainda se acha racional.
Muito bom e atual.Gostei.
bjsss

joana verde disse...

Minha nossa! Quando você chega arrasa. Amei! Beijão