sábado, 10 de dezembro de 2011

O Sonho do Rio




O sonho do rio caudaloso era tornar-se represa. Tinha vergonha de exibir sua intensa voluptuosidade assim, abertamente, sem pudor ou serventia.

3 comentários:

dudv disse...

Lindo!!!

Olhar... disse...

Outro Eros e Tânatos?
"voluptuosidade" e "serventia"...
Estou sempre te olhando...
Bjim
;)

Angela disse...

me parece que vc está preocupada com esta terminologia...
Aqui, minha intenção apoiada nesta magnífica imagem é complementar impulso natural com cultura e civilização. Menos freudiano, portanto! :D