terça-feira, 18 de novembro de 2008

saudade

imagem google - amadeu sousa cardoso
.
na tua ausência, desenhei tua boca na noite.
depois beijei-te.

.

10 comentários:

Silvio Vasconcellos disse...

A magia da noite, à beira do sono, onde a realidade e o sonho se confundem. No limiar do consciente, a mente flutua nos desejos.

~pi disse...

e a boca-da-noite,

amor-era,




~

Eurico disse...

Palavras mínimas, beleza máxima!
Grato pela visita.
Abraço brasileiros e fraternos.

J.R. Lima disse...

ceci n'est pas...

à noite, uma sólida solidão e um beijo na palavra boca.

la vie est comme la pipe de Magritte.

Delirium disse...

Na tua presença, desenhei minha boca na tua...
e era noite.

Emely disse...

que beijo doce!
gostei daqui!
=)

Everaldo Ygor disse...

Beijou flores!
E...
Depois sentiu seu aroma...
Abraços
Everaldo Ygor

Anônimo disse...

Desenhei-te a ti também.
Abz
Zilly
(apareça)

Alex Pinheiro disse...

nhá,,, que solidão esse troço aí!!! rs
...
Olha, Ana,,, relativo a você não conseguir entrar no InventO deve ser algum problema com seu provedor,,, Problemas do tipo eles bloqueiam acesso como se pra te prevenir de vírus: o que tem sentido em se tratando de o InventO né?! hehehe

Brincadeiras à parte isso é perfeitamente possível: qualquer tipo de bloqueio, seja da web ou até mesmo configuração do seu windows ou linux,,, Enfim, acabo triste em saber que não consegues entrar lá,,, buff!

Bjs e saudosas invenções!

luCordeiro disse...

Achei vc!Depois de um tempão me deparo com esse minúsculo conto que diz tudo.Quisera eu conseguir,mas sou prolixa à exaustão.Mas ainda tento,se tento.E Sílvio, cadê?Os outros blogs dele estào parados.Saudade de vcs,sabe? Nesta noite sem bocas,nem desenhos,só espaço vazio,tento achar os amigos.
bjsss... apareça,menina!