quinta-feira, 9 de abril de 2009

Um declaração de amor.















- Eu queria nunca ter te conhecido! - gritou da janela.
.
- Você não me conheceu. Você não me conhece nem um pouco.
.
Entrou no carro e partiu.
.

2 comentários:

Silvio Vasconcellos disse...

Quem conhece quem, se nem nós nos conhecemos?

moniabreu disse...

Dois mentirosos divididos por uma janela.... e 200 caracteres!