terça-feira, 15 de julho de 2008

invisible children

imagem google


têm os nomes de 2ª ou 3ª feira, consoante o dia em que são comprados.
tratados como mercadoria, desenraizados e sem memória ficam prisioneiros em cicatrizes num grito silencioso.

.

5 comentários:

Silvio Vasconcellos disse...

Os erros históricos permanecem vivos nas almas dos desalmados...

Alex Pinheiro disse...

E a escravidão nunca acabou!
intrínsecamente secando a existência humana... buff!
...........
Aquele dia acho que nem me despedi de você no MSN,,, Desculpa! To com problemas no pc e net e tal,,, rs
Já está a arrumar e volta em breve,,, Desculpe-me, mais uma vez! Valeu! :)

Bjs e sociais invenções!

Pedro disse...

Como pode ainda existir uma coisa dessas? Não me conformo!

~pi disse...

como foi possível

naturalizar

tão

terrível

História!!??

Michell Niero disse...

Soa como se todos nós fossemos escravos de um tempo que já não temos. Um tempo que não se revigora, que passa sem recordar, e se contenta com o mesmo prato da rotina.



Muito interessante a proposta do blog.