quarta-feira, 27 de agosto de 2008

Coerção

Fonte: www


Nossa vida era difícil.
Ele não me permitia chorar, nem descansar.
Um dia ele morreu.
E eu saí de férias.

3 comentários:

ZEPOVO disse...

Liberdade custa caro mas é simples...

Sílvio disse...

Boa solução... muitos vivem vidas aprisionadas e quando tem a oportunidade de fazer diferente morrem também.

*Raíssa disse...

Às vezes é preciso morrer um para outro começar a viver.