domingo, 29 de junho de 2008

Inimigo

Fonte: google


Seu último ato de vingança foi doar-lhe sangue - contaminado.
Pela ira, mas já era o bastante.

7 comentários:

Vinícius Aguiar disse...

Nossa que trágico e inusitado!
Doar sangue parece ser um gesto de amor ao próximo...não nesse caso!
hehehehehe

Pedro disse...

Isso é que é ódio!

Bill Stein Husenbar disse...

"Doce veneno"...

http://desabafos-solitarios.blogspot.com

~pi disse...

sem sombra de dúvida!






~

PALAVRAS&POESIAS disse...

Pois achei que seria o cúmulo do ódio, mantê-lo vivo para odiá-lo mais.
Essa ficção ainda me leva a loucura!
Abraço e obrigada pelos comentários.
Ana Melo.

Ricardo Rayol disse...

mortal!

*Raíssa disse...

Que pessoa boazinha (não). É uma vingança um tanto quanto exagerada, não?