sábado, 31 de maio de 2008

flores para los sueños

imagem do autor

Toda a vida sonhou com uma mulher em meio às flores. Sempre a mesma, poderia reconhecê-la em qualquer lugar.
Até o dia em que a viu de relance, mas já estavam fechando o caixão.


9 comentários:

* hemisfério norte disse...

não deixes para amanhã o que podes gostar hoje.
:)
a vida me ensinou a ser assim, ao perder pessoas muito queridas com a rapidez de um relâmpago.
gostei muito do post.
bjs
a.

Vinícius Aguiar disse...

Nossa, que forte isso!!! Mais uma vez consegues com pouquíssimas palavras mexer com os sentimentos das pessoas!! Parabéns!

Clarisse Milano disse...

este "Fugit irreparabile tempus..." q consegue se fazer eterno com o mínimo... Por eu gostar tanto daqui fiz um link no meu blog: www.rapidaefuncional.blogger.com.br, ok!?

Angela disse...

Que fantástico! muito bom mesmo! Não conhecia seu blog e vivo imersa em minicontos. posso te incluir em minha imersão?

Raiz disse...

sonhos enterrados pela demora de sempre adiar o agora...

julia disse...

arrepiante!

un dress disse...

é o que dá ler muitas histórias com príncipes

en cant a ndo...

[ ai... :)

Pedro disse...

Um dia acaba assim. É a vida.

Máximo Heleno Rodrigues Lustosa disse...

Carai!!! Muito bom!