terça-feira, 13 de maio de 2008

na saída da noite

imagem google


-
tropecei numa perna. tinha corpo. acordei-o.
aconcheguei-lhe o cobertor de cartão, deixei-lhe as minhas luvas e continuei meu trajecto.
.

11 comentários:

Sílvio disse...

A grande maioria passaria por ele com desdém e nojo...

Triste.

Emely disse...

Atençao por onde andar.
Atençao com quem ali vivendo esta!

=)

Ana Pallito disse...

Quis deixar afeto, tive medo:(

Ravnos_Blacklotus disse...

[risos]

quando abrir novamente as portas, farei questão de convida-la então...

Yara disse...

Continuar o trajeto é tarefa difícil...

bjos

Ricardo Rayol disse...

e ganhou o céu com esse gesto

Delirium disse...

muitos param, olham...
e passam.
não imagino como podem se sentir bem depois...
deprimente.

ricardo rayol:"e ganhou o céu com esse gesto"; concordo plenamente ;)

Pedro disse...

Me sinto tão mal quando vejo essas coisas.

Everaldo Ygor disse...

Olá...
Alem das luvas, deixou uma poesia... "Na saída da noite"
Abraços
Everaldo Ygor
http://outrasandancas.blogspot.com/

luci disse...

infinitamente:

continuei...

Beto Guimarães disse...

Ótimo mini. Parabéns ao autor.